WhatsApp: (31) 9 8384-7003 | Telefone: 0800-001-4321

WhatsApp: (31) 9 8384-7003

Telefone: 0800-001-4321

    Redes Sociais

Informativos

AUTOMEDICAÇÃO E SEUS RISCOS

Por Rodrigo Hassen em 13/02/2019

Históricamente o homem busca melhorar sua performance sexual, seja utilizando alimentos ou automedicação, sendo assim, 50,1% de todos os homens, apresentam, de forma crescente, algum grau de dificuldade de ereção.

A prevalência maior é a partir dos 35 anos, causada pela alta incidência de doenças nesta faixa etária.

O números de casos de homens que relatam problemas na área da saúde sexual é alarmante, ou seja, no Brasil temos números do ministério da saúde que apontam 2 milhões de novos casos por ano.

Alguns fatores potencializam os riscos da disfunção erétil como: obesidade, tabagismo, alcoolismo, medicamentos de uso contínuo, antidepressivos, estresse e sedentarismo, também, influem as crises nos relacionamentos e o receio de falhar com uma nova mulher.

Isso pode gerar ansiedade e bloqueios aos estímulos de prazer, isto é, problemas físicos precisam ser tratados para que assim o homem recupere sua vitalidade e confiança.

A busca por uma performance melhor na cama é cada vez maior entre os homens, ou seja, é maior entre aqueles que já apresentam algum sintoma de Disfunção Erétil.

Essa busca por prazer cada vez maior faz com que muitos utilizem da automedicação de estimulante sexual sem qualquer orientação, sendo assim, sem acompanhamento médico, acarretando sérios problemas subsequentes que .

Efeitos colaterais

Pouco se fala sobre esses efeitos colaterais, sendo assim, são sintomas que podem que podem variar de pessoa para pessoa, como:
• Dores de cabeça e musculares;
• Cegueira;
• Alergias;
• Priapismo (Ereção peniana dolorosa, por período superior a 2 horas)
• Risco de agravar possíveis problemas cardíacos e vasculares.

Como procurar ajuda?

Todas as patologias relacionadas a saúde sexual tem tratamento, sendo assim, nós da American Medical Group podemos te ajudar, saiba mais: 0800-001-4321 ou pelo Wathsapp: 31-98384-7003.

LEIA TAMBÉM: DISFUNÇÃO ERÉTIL E O CONSUMO DO CIGARRO.

Nenhum comentário.

Deixe o seu comentário!