WhatsApp: (31) 9 8384-7003 | Telefone: 0800-001-4321

WhatsApp: (31) 9 8384-7003

Telefone: 0800-001-4321

    Redes Sociais

Informativos

SINTOMAS DA DISFUNÇÃO ERÉTIL

Por Rodrigo Hassen em 27/03/2019

A disfunção erétil é a incapacidade de o homem conseguir obter e manter uma ereção do pênis suficiente que possibilite uma atividade sexual satisfatória.

Estima-se que 1 a cada 2 homens em território nacional apresentem disfunção erétil, sendo esta a mais comum disfunção sexual encontrada nessa população após os 40 anos.

As causas são variadas, podendo estar relacionadas aos Sintomas:

  • Problemas circulatórios: a ereção depende diretamente do fluxo de sangue para o pênis, portanto as alterações que dificultam a circulação adequada para essa região podem causar disfunção erétil.
  • Distúrbios hormonais: desequilíbrios hormonais podem ser causa de alterações da libido, sendo assim,  principalmente a falta de testosterona.
  • Induzida por drogas: inúmeros medicamentos podem causar problemas na ereção.
  • Psicológicas: problemas como ansiedade, depressão e estresse afetam mais a população adulta-jovem, gerando transtornos de ereção por diminuírem diretamente a libido.

Sintomas

A impotência sexual pode ser manifestada de várias maneiras, eventualmente, não somente pelo fato de não conseguir manter o pênis ereto, mas por problemas na ejaculação ou orgasmo.

Em certos pacientes ocorre uma demora para manter uma ereção duradoura, ou mesmo, a ereção é obtida, porém, não apresenta rigidez suficiente. Ao passo que, mesmo apresentando uma ereção adequada, ocorre ejaculação precoce.

É possível prevenir

Devemos ter em mente que manter hábitos de vida saudáveis é o melhor caminho a seguir. Na maioria das vezes, as doenças associadas à disfunção erétil são passíveis de controle e tratamento.

Tratamentos

As mudanças do estilo de vida, sendo assim, não fumar, evitar ingerir bebidas alcoólicas, praticar atividade física, alimentar-se de forma saudável, são imprescindíveis a todos os homens, enfim, e tratamento deve ser indicado por um andrologista, que fará a análise dos exames realizados, afinal, ele conduzirá todo o tratamento.

Muito importante procurar ajuda, Ligue e Saiba mais 0800-001-4321, contudo,  agende uma consulta pelo site .

5 Comentários

  1. Neusa Do Carmo de Alvarenga Domingues disse:

    Bom dia…
    Busco ajuda para meu marido, ele tem esses problemas, Faço o diagnosticado medicado, porém ele nao tem responsabilidade de tomar o remédio, prefere a bebida. Não sei mais o que fazer pois meu casamento acabando, com ele não tem diálogo…
    Obrigada pela atenção

  2. José Rogerio disse:

    por favor presciso aumentar a quantidade de esperma e minha ereçao enfraquece tem me feito mau , quero manter ele mais duro ereto por mais tempo como resolver isso desde ja agedeço.

  3. Humberto disse:

    Boa tarde, há algum tempo venho passando por um problema, nao é em todos os casos, mas na maioria, ao me relacionar com alguma mulher, as vezes posso estar com muito tesao, porem meu pênis nao fica ereto, quando acontece isso, ai eu faco um oral ma mulher e me masturbo, ate meu penis ficar hereto e depois fica normal, ontem por exemplo sai com uma mulher, a gnt se beijou acariciou e ate entao estava tudo ocorrendo normalmente, portanto na hra da penetração meu penis amoleceu, entao tive que fazer um oral nela ate ele se recompor, e dps foi normalmente.

    Gostaria de saber se existe alguma solução, pois me preocupa bastante, tenho 27 anos

  4. Humberto disse:

    Boa tarde, há algum tempo venho passando por um problema, nao é em todos os casos, mas na maioria, ao me relacionar com alguma mulher, as vezes posso estar com muito tesao, porem meu pênis nao fica ereto, quando acontece isso, ai eu faco um oral ma mulher e me masturbo, ate meu penis ficar hereto e depois fica normal, ontem por exemplo sai com uma mulher, a gnt se beijou acariciou e ate entao estava tudo ocorrendo normalmente, portanto na hra da penetração meu penis amoleceu, entao tive que fazer um oral nela ate ele se recompor, e dps foi normalmente.

    Gostaria de saber se existe alguma solução, pois me preocupa bastante, tenho 27 anos

    O primeiro e-mail estava errado

  5. Emerson ventura botelho disse:

    Depois que me separei da minha mulher, fiquei 7 anos sem transar.logo após me separar minha mãe adoeceu,tive que tomar conta dela por ,7 anos.Esse tempo todo fiquei sem transar,agora que ela faleceu voltei a sair de casa mas quando vou transar não consigo manter a ereção por muito tempo. Nem ejacular. O que fazer para melhorar?

Deixe o seu comentário!